O Que é a Dieta Mediterrânea: Aprenda a Alimentar-se Como os Povos do Mediterrâneo para Emagrecer

O Que é a Dieta Mediterrânea: Aprenda a Alimentar-se Como os Povos do Mediterrâneo para Emagrecer

Tempo de leitura: 5 minutos

Conheça a Dieta do Mediterrâneo ou Dieta Mediterrânea: Você Já ouviu falar que os povos que vivem nas proximidades do mar Mediterrâneo levam uma vida mais saudável, com mais disposição, menos índices de obesidade e o coração deles funciona muito melhor?

Sabe por que isso acontece?

É exatamente por sua dieta. A Dieta Mediterrânea é o grande segredo da saúde desses povos e pode significar excelente qualidade de vida e alguns quilinhos a menos para você.

Dieta Mediterrânea: A Melhor Dieta para 2021

Este tipo de alimentação já é difundido há muitos anos em diversos países como Espanha, Grécia, Turquia e até no Sul da Itália.

Segundo pesquisadores da Universidade de Barcelona, este programa alimentar poderia evitar cerca de 30% das mortes por ataque cardíaco, derrames e doenças cardiovasculares em geral.

Neste tipo de dieta o foco é 100% nos alimentos naturais e nas gorduras boas sem utilizar alimentos industrializados.

Claro que, como em toda alimentação focada existem as vantagens e desvantagens e vamos explorar isto nas próximas linhas.

Gostou da ideia? Então fica comigo neste artigo, preparamos algumas dicas sobre a dieta do mediterrâneo, o que é, como fazer e os tipos de alimentos permitidos, confira as dicas…

O Que é a Dieta Mediterrânea: Aprenda a Alimentar-se Como os Povos do Mediterrâneo para Emagrecer

O Que é a Dieta do Mediterrâneo?

A dieta do Mediterrâneo pode ser considerada como uma espécie de mudança no estilo de vida e a busca por uma alimentação mais saudável, afinal ela se baseia no consumo de alimentos frescos e naturais, como leite, azeite, frutas e legumes.

Por outro lado, os industrializados são deixados de fora, já que provocam não só o ganho de peso como também prejudicam o bom funcionamento do organismo.

Como Posso Aderir à Dieta Mediterrânea?

Para seguir a Dieta Mediterrânea é preciso fazer algumas mudanças em seu cardápio do dia a dia.

É importante saber também quais são os “alimentos permitidos” na Dieta Mediterrânea e como incluir eles nas suas receitas.

1# Esqueça os Alimentos Industrializados

A primeira delas é esquecer que os industrializados existem.

Alimentos como salsichas, linguiças e outros ficam de fora, já que eles causam, além do ganho de peso, inflamações, retenção de líquidos e aumento de toxinas que prejudicam o bom funcionamento do corpo.

2# Consuma Peixes

Quem começa a fazer a dieta do Mediterrâneo precisa, ainda, incluir o peixe em sua dieta diária.

A recomendação é comer esse tipo de alimento ao menos duas vezes por semana, para equilibrar os níveis de ômega-3 no corpo.

3# Azeite Sempre!

Na hora de preparar e temperar saladas ou outros alimentos, substitua o óleo de soja pelo azeite ou por óleos vegetais, como os de canola, pois são ricos em gorduras que podem ajudar no funcionamento do coração.

4# Alimentos Integrais

Como prega o equilíbrio na alimentação, na hora de pensar no almoço ou no jantar da dieta do Mediterrâneo, dê preferência a opções integrais, como arroz, farinha ou macarrão.

Além de fazer muito bem ao corpo, esses alimentos contém altas doses de vitaminas, minerais e fibras.

Estas últimas são importantíssimas para regular o funcionamento do intestino e evitar problemas como a prisão de ventre, que causa grande incômodo e contribui para manter aquela sensação de inchaço.

6# Frutas e Verduras

Na da sobremesa ou de montar o prato, não abra mão das frutas e verduras durante o dia. Além de ser ricas em vitaminas e minerais, verduras, legumes e frutas tem bastante fibra em sua composição.

A fibra alimentar, além de regular o funcionamento do intestino, ajuda a dar aquela sensação de saciedade, diminuindo a vontade de comer apenas por comer e auxiliando assim na perda de peso e controle do apetite.

7# Consuma Leite e Derivados

E, para finalizar, não se esqueça de consumir leite regularmente, para manter os níveis de cálcio de seu corpo bem equilibrados. Mas, para não atrapalhar a perda de peso, escolha opções desnatadas.

Produtos como leite, iogurtes e queijos brancos possuem menos gordura, mas as mesmas quantidades de vitaminas, minerais e cálcio. Assim, você manterá seu corpo saudável, ingerindo menos calorias.

Ficou interessado na dieta mediterrânea? Parece bem colorida? Então experimente e nos conte como foi sua experiência com ela.

Outros Detalhes Importantes:

É interessante beber ao menos uma taça de vinho tinto como acompanhamento todos os dias e procure consumir as chamadas gorduras boas que podem ser encontradas em nozes, castanhas e claro, no azeite de oliva.

O Que Recomendamos Para Começar?

Começar qualquer dieta sozinho é bem complicado, eu tentei isto por 5 anos e não tive resultados.

Se você achou a Dieta Mediterrânea interessante, não deixe de conhecer a metodologia do programa Código Emagrecer de Vez.

Ele é um sistema de emagrecimento revolucionário, que promove um emagrecimento natural e ajuda seu corpo a acelerar o metabolismo para queimar gordura de forma inteligente.

Eu consegui ótimos resultados com este método, perdi em torno de 11 quilos em 30 dias e tudo de forma natural.

O Código EDV hoje é o sistema de emagrecimento natural mais vendido do Brasil.

Clique no link abaixo para conhecer o método:

→ Quero Emagrecer com o Código EDV

Gostou de conhecer a Dieta Mediterrânea? Então compartilhe este conteúdo, isto vai ajudar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *